Número total de visualizações de página

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Um Primeiro-Ministro cata-ventos

Primeiro, o INFARMED passava para o Porto. E a mudança já estava prevista na candidatura do Porto a sede da Agência Europeia do Medicamento, palavra do 1º Ministro. Verificou-se que não.
Depois, eram apenas alguns serviços do INFARMED que passavam para o Porto.
Agora, a passagem do INFARMED para o Porto é apenas uma intenção.
Pior que uma geringonça ao sabor dos ventos, um 1º Ministro cata-ventos 
PS: Lisboa foi a cidade primeiramente escolhida para a candidatura à sede do AEM, por ser a que supostamente apresentava melhores condições, com base em estudos efectuados, segundo o Ministro Santos Silva. Parece que esses "estudos" nunca foram apresentados nem existiam. O Porto reivindicou e o Governo logo mudou de posição.

Sem comentários: