Número total de visualizações de página

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Divertido, ou talvez não...

Não deixa, numa primeira análise, de fazer sorrir o que por cá se vai ouvindo sobre a mais que provável decisão de impeachment da presidenta Dilma. Aqueles que gritaram durante 5 anos pela falta de "legitimidade democrática" do governo chefiado por Passos Coelho e do exercício do mandato de Cavaco Silva porque a rua a recusava, apesar do apoio parlamentar maioritário, coeso e coerente ao governo e da eleição por voto popular maioritário do PR, são os mesmos que agora alegam que Dilma tem o voto a legitimar o seu mandato e a qualificar de "golpe contra a democracia" a destituição que se apoia nos protestos de rua contra o PT!

São os que se apressam a condenar a violação de direitos humanos em Angola, a verberar o poder instituído democraticamente em alguns países da Europa, mas omitem uma palavra que seja de solidariedade para com o povo martirizado da Venezuela, povo a sofrer às mãos de uma elite de loucos varridos, cegos por uma ideologia que só medra na miséria.
É esta a gente que os media por cá apresentam como os detentores de uma superioridade moral e política à prova de bola. É, em parte, nesta gente que se sustenta o governo da República. E isso não diverte. Assusta.

19 comentários:

João Pires da Cruz disse...

Caro JMFA,

parece-me exactamente a mesma coisa, o poder legislativo a substituir-se à vontade do povo para determinar o poder executivo e mandando às urtigas essa mariquice da separação de poderes. Lá com a ajuda do senado, cá com a ajuda de Cavaco Silva, sem o qual o golpe nunca acontecido.

Carlos Sério disse...

Comparar o incomparável é manipulação.

Zuricher disse...

Caro Ferreira de Almeida, não se esqueça que está a falar de vermelhos portanto não vejo qual a sua admiração. Conhece algum sítio onde tenham feito alguma coisa de jeito? Não, pois não? E, de resto, nem o seu objectivo é esse. É simplesmente o poder pelo poder a um nivel ainda pior do que a igreja católica durante a idade média. Tal como a igreja católica do período medieval, a vermelhice é uma religião, uma questão de fé, portanto não pode esperar coerência, fio condutor, todas essas coisas normais nas pessoas racionais mas que não podem esperar-se em quem é movido pela fé. Essa gente é capaz de dizer as maiores barbaridades desta vida sem que ninguém lhes aponte o atrevimento. Mas isto leva-nos a outro sítio: é que essa canalha tem quase 20% do eleitorado e a comunicação social que devia precisamente apontar as incoerências demite-se consciente, alegremente e muito feliz desse seu papel. Portanto e indo mais a fundo na coisa, se calhar, o que assusta são a sociedade e a comunicação social Portuguesas. O BE e o PCP não têm o tempo de antena que têm só porque sim. Se tivessem a votação do MRPP ou do PNR ninguém lhes ligava patavina. Mas o problema é que andam pelos 20%. Portanto têm tempo de antena.

JM Ferreira de Almeida disse...

Ou terão 20% porque têm tempo de antena?

Zuricher disse...

Também, também, meu caro. Também. O BE principalmente foi levado ao colo pela comunicação social ao longo de vários anos.

Onde anda o visto prévio quando faz falta?!

Fernando Vouga disse...

Fico sempre perplexo quando alguém fala da "vontade do povo".
Deve ser iliteracia política minha, mas ainda não percebi bem o que isso é.
Para lá da democracia não se esgotar nas eleições, o povo não tem voz. Limita-se a escolher uma das promessas eleitorais. Ora, já toda a gente descobriu que essas promessas não são para tomar a sério. Mal chegados ao poder, os partidos fazem tábua raza do que disseram.
Resumindo, nas eleições, o povo só escolhe em que nádega vai levar o pontapé.
Poder-se-á chamar a isso "vontade do povo"?

Pinho Cardão disse...

Certeiro post, caro Ferreira de Almeida. Se for de esquerda, a esquerda tudo lava e legitima, a falta de democracia, a corrupção, o abuso do poder, a ditadura. Sempre com a imprensa subserviente de mão dada.

Zuricher disse...

Nem de propósito, acabo de ler isto no zerohedge. Interessante qb. Mas ilusão de óptica, certamente.

http://www.zerohedge.com/news/2016-05-12/raw-venezuela-looter-burned-alive-while-streets-filled-people-killing-animals-food

Paolo Hemmerich disse...

Até a presente data, a Operação Lava Jato já PROVOU o ROUBO por parte do PT (Partido dos Trabalhadores) e aliados, do equivalente a 10 bilhões de dólares, dinheiro esse usado para FINS PARTICULARES, mas principalmente para GANHAR ELEIÇÕES, visando se eternizarem no poder! Em apenas um negócio feito por Dilma, quando Ministra de Estado, o povo brasileiro arcou com um prejuízo de mais de 1 bilhão de dólares, negócio este que gerou milhões de dólares em SUBORNOS!!! Àqueles que ACHAM POUCO, soma-se ainda a TOTAL INCOMPETÊNCIA de Dilma na administração pública e seu DESPREZO pela correta contabilidade dos recursos públicos!!! Dilma se elegeu e se reelegeu COM DINHEIRO ROUBADO DO POBRE POVO BRASILEIRO e ainda tem a petulância de dizer que nada sabia desses roubos, tal qual Lula, o grande Chefe da Organização Criminosa que assaltou o Erário!!! Dilma, Lula e o PT solaparam a Democracia!

Alberto Sampaio disse...

o bloco, e louçã em particular, primam pelas meias-verdades e pela hipocrisia, que tanto criticam nos outros.

Caro Zuricher,
" Conhece algum sítio onde tenham feito alguma coisa de jeito? Não, pois não?"
Eu não conheço, mas se houver alguém que conheça, por favor diga.

Alberto Sampaio disse...

Caro Zuricher,
Mais uma vez,
" Conhece algum sítio onde tenham feito alguma coisa de jeito? Não, pois não?"
Eu não conheço, mas se houver alguém que conheça, por favor diga.

ainda ha disse...

Reparem que os homens que inventaram a sinistra moderna, no século XIX, não mais fizeram que criar um religião que se substituísse à da Igreja de Roma.
Como sabemos pelos exemplos mundiais, têm vindo a perder. Eles são contra a riqueza e contra o Homem. A Igreja é contra os pobreza e a favor do Homem.
Aqui têm feito algo de jeito: mostrar qua a sinistra é mesmo sinistra.

ainda ha disse...

Reparem que os homens que inventaram a sinistra moderna, no século XIX, não mais fizeram que criar um religião que se substituísse à da Igreja de Roma.
Como sabemos pelos exemplos mundiais, têm vindo a perder. Eles são contra a riqueza e contra o Homem. A Igreja é contra os pobreza e a favor do Homem.
Aqui têm feito algo de jeito: mostrar qua a sinistra é mesmo sinistra.

Alberto Sampaio disse...

Caro ainda ha, bem dito :-)

Alberto Sampaio disse...

Passaram-se mais de 24h sobre o meu pedido e não houve qualquer resposta.

Concluo assim, não existir - do conhecimento dos caros bloguistas e comentadores - algum país onde governos vermelhos tenham obtido resultados positivos ("feito alguma coisa de jeito").

Inquérito encerrado e obrigado pela participação.

Paolo Hemmerich disse...

Aqueles que insistem em fazer apologia aos socialistas mentirosos e ladrões do Erário fiquem cientes que, pelo menos aqui no Brasil, o povo saiu às ruas e mandou um claro recado a eles: Não admitimos mais que ladrões se acerquem do poder para nos roubar!!! E não adianta ficarem chorando pelos cantos a reclamarem por terem sido defenestrados do poder!! Foi baseado em nossa Constituição e em nossas leis que foram processados e afastados de suas atividades públicas e, posteriormente, todos serão chamados ao Poder Judiciário para se explicarem!!! Diuturnamente descobre-se novos roubos de dinheiro público! Parece que a coisa nunca tem fim!!! Dilma deveria ficar grata por não se encontrar atrás das grades neste momento!!!!

Zuricher disse...

Ahhh, mas o caro Alberto Sampaio esperava resposta? Esperava que alguém lhe viesse dar um exemplo dum país onde a vermelhice tenha trazido alguma coisa de positivo? Eu pensei que a pergunta era apenas retórica! O:-)

Não sei se tem seguido a situação na Venezuela. Deixei aquele link há uns dias e tem sido tudo neste género. Sabe o que é o engraçado? É que a Venezuela já foi auto-suficiente em produção de carne. Entretanto chegou a vermelhice e pronto, lá foi tudo por água abaixo quando fizeram a reforma agrária e inviabilizaram uma série de produções pecuárias. Agora passam fome. A bondade das ideias vermelhas é esta. Hmmm, onde é que eu já vi gente a passar fome em países comunistas? Terá sido na URSS? Na Roménia? No Cambodja? Na China? A minha memória já não é o que era portanto não me recordo em qual deles foi. Ou se calhar até foi em todos, quem sabe!

Fora agora de faltas de memória, é precisamente pelos resultados que defendo que o combate ao comunismo (seja o tradicional, seja o do embrulho cor-de-rosa) é um imperativo não apenas dos democratas mas de todas as pessoas de bem, com consciencia e humanidade.

Fernando Vouga disse...

Caro Zuricher

Desta vez estou consigo. A sério.

Alberto Sampaio disse...

Caro Zuricher,

agradeço o comentário. A pergunta era séria, apesar de saber a resposta de antemão e, por isso, retórica.

Foi uma provocação e uma chamada de atenção a quem ainda acredita nesse tipo de ideologias. E em Portugal há quem.