Número total de visualizações de página

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Tudo e mais alguma coisa e o contrário de tudo...

"Se o petróleo descer mais, admito voltar a subir o ISP. Se o petróleo subir, o aumento do Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP) pode ser revertido. O oposto também é possível..."
Rocha Andrade, Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais
Na primeira pessoa...tudo e o seu contrário. Um Secretário de Estado mesmo empertigado... 

3 comentários:

Alberto Sampaio disse...

A mediocridade e aldrabices juntas num só governo.

Carlos Sério disse...

Na verdade, é difícil de compreender para muitos cérebros como se pretende atingir uma receita constante quer subam ou desçam os preços do petróleo.
São contas do arco da velha.
Creio que só o Relvas com seus altos estudos universitários nos poderá elucidar.

Pinho Cardão disse...

Claro, claro, para erratas e revisões os doutoramentos são em Harvard.
Não creio que o Relvas por lá tenha andado...