Número total de visualizações de página

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Concurso "Palavra dada, palavra honrada"

"Depois de alguma insistência, Costa admitiu querer deixar a Mário Centeno a possibilidade de dar uma boa notícia: «O seu a seu dono. É muito difícil ser ministro das Finanças. Também devemos deixar aos ministros das Finanças a oportunidade para darem boas notícias».
A redução será a concretização de uma promessa do Governo, já que o Executivo comprometeu-se a rever regularmente o ISP de forma a acompanhar o preço do petróleo nos mercados internacionais e manter o nível de receita fixado aquando da decisão de aumentar o imposto. Por outras palavras, atingida a receita necessária para dar resposta às exigências de Bruxelas, o imposto sobre combustíveis desce. E é isso que deve ser hoje anunciado".

Dá-se um doce a quem fornecer as respostas certas às seguintes questões:

(a) Acredita que o Primeiro Ministro disse o que vem transcrito na notícia? S [ _ ] N [ _ ]
(b) Se respondeu sim, qual a data em terá proferido tais declarações? [aaaa/mm/dd]
(c) O Senhor Ministro das Finanças honrou a palavra do Senhor Primeiro-Ministro e deu a boa nova? S [ _ ] N [ _ ]
(d) Se acredita no Pai Natal, pare por aqui. Se respondeu não à questão anterior, assinale com um x qual, no seu entender, vai ser o momento em que o Governo honrará a palavra dada:
  •  [ _ ] logo que o crude ultrapasse os 838,25 USD/barril 
  •  [ _ ] logo que o governo chinês detiver a maioria do capital social da GALP 
  •  [ _ ] assim que 93% da população portuguesa se deslocar em modo elétrico
  •  [ _ ] após Mariana Mortágua tomar posse como Ministra das Finanças 
  •  [ _ ] nas comemorações dos 50 anos da descoberta do petróleo no Beato.

2 comentários:

Pinho Cardão disse...

Respondo por grau de dificuldade, do mais fácil para o mais difícil:
a) Joana Mortágua ser Ministra das Finanças. Perfeitamente natural para a geringonça.
b) logo que o governo chinês detiver a maioria do capital social da GALP: depois da EDP, vai ser um ver se te havias...
c) nas comemorações dos 50 anos da descoberta do petróleo no Beato: bom, parece que é difícil iniciar a prospecção sem estudo de impacto ambiental, mas as comemorações serão curto prazo em relação ao tempo da palavra honrada.
d) assim que 93% da população portuguesa se deslocar em modo elétrico: a coisa não está para breve, que anda por aí muita gente a dar conta que a produção e reciclagem das baterias polui mais que os horríveis combustíveis fósseis...
e) logo que o crude ultrapasse os 838,25 USD/barril: acontece que o gás de xisto vai moderar os preços do crude por muitos e muitos anos
Logo, podemos esperar sentados. Se possível, muito bem sentados,anos aos centenos que palavra dada seja palavra honrada.

José Domingos disse...

O tó da churrasqueira anda a comprar o zé povinho, quer dizer, os funcionários públicos e ainda os que vão entrar. Excelente maneira de comprar votos.
Claro que este povozeco, tanto lhe dá,desde que lhe tratem bem da carteira, não que saber quem é o primeiro ministro, até podia ser o Salazar.