Número total de visualizações de página

sexta-feira, 31 de julho de 2015

O PS de mão estendida...

Depois de ter deixado o país de mão estendida, o PS estende agora a mão aos simpatizantes. E garante o devido reconhecimento, através de um ranking de doadores. Que começa pela publicitação do mesmo pelas distritais. Todavia, se diz como começa, não diz como e onde tal reconhecimento vai acabar.
O que não parece acabar é o enorme passivo do PS, cerca de 19 milhões de euros. Todavia, nada de preocupações: os donativos são para a campanha e como a dívida não é para pagar...

5 comentários:

Tiro ao Alvo disse...

"O País de mão estendida" e não "o pás de mão estendida". Convém emendar.

Bartolomeu disse...

Está-me a qui um palerma d'um passarito a repenicar ao ouvido e a insistir para que pergunte ao Dr. Pinho Cardão se sabe a quanto monta o passivo do PSD. Diz-me o passarôco que é de todos os partidos, o mais elevado... será?

Pinho Cardão disse...

Caro Tiro ao Alvo:

Tem toda a razão. Já corrigido.

Caro Bartolomeu:

O que o DN diz, e o meu amigo passou por cima, é que, e transcrevo, o passivo do PS é "o maior de entre todos os partidos com assento parlamentar". Como creio que o PSD ainda tem uns tantos assentos parlamentares...talvez seja melhor o meu amigo mudar de passarinho...

Lamas disse...

O PS foi governo 7 vezes e em 3 tivemos bancarrota. Nem o próprio partido conseguem gerir, provocando a sua própria falência.
E é esta gente quer voltar a gerir o País.
Se os Portugueses lhes derem o voto é porque os merecem.

Fernando Vouga disse...

Não será de excluir a hipótese de, em caso de vitória eleitoral, serem atribuídos uns bons tachos a quem der mais.