Número total de visualizações de página

domingo, 13 de outubro de 2013

Sofá-dependência...

Está um lindo Domingo de Outono, com um sol ainda quente, a convidar a um passeio ao ar livre. É talvez do cansaço do calor intenso do Verão que só há uns dias parece ter ido embora - vamos a ver se não foi mais uma falsa partida - que hoje apesar do bom tempo, ou por causa dele, não sei, dou comigo na preguiça do sofá, à procura do descanso merecido nas leituras que estão atrasadas e que não podem mais ser adiadas.
É o que costumo chamar sofá-dependência, uma dependência como muitas outras que vamos descobrindo ao longo da vida, daquelas a que nos vamos encostando, em que a cumplicidade vai sendo cada vez mais forte com a contrapartida do prazer da preguiça e tranquilidade. Chegou o dia para trocar as mantas de Verão pelas mantas de Inverno. Um acessório da dependência do sofá, a manta que nos conforta, que nos acolhe tanto no frio como no quente. Já fiz a troca. Quem não tem destes pequenos vícios? Bom Domingo!

2 comentários:

Luis Moreira disse...

E, não há uma espécie de desconforto por não andar a passear num frondoso parque? Eu estou sempre dividido.

Suzana Toscano disse...

Está um dia lindo mas sente-se no ar e na alma uma espécie de nostalgia do Outono. A natureza, na sua imensa sabedoria, prepara-nos para a estação seguinte, este ritmo imperioso que temos que acompanhar, hoje vi a mulher das castanhas assadas na esquina da rua, está lá sempre a partir do início de Outubro, há anos que faz isto, a fruta nas bancas do mercado já mudou para os amarelos e castanhos, sim, sabe bem um sofá. Ontem fui comprar lãs, a preparar os serões de inverno, adoro ver as novas lãs arrumadas nas prateleiras. Bom domingo de outono!