Número total de visualizações de página

sábado, 23 de novembro de 2013

Falta de Memória II

A imprensa portuguesa ainda não se habituou suficientemente à democracia e é completamente irresponsável. Ela dá uma imagem completamente falsa.
Mário Soares- Der Spiegel, 21 Abril de 1984
Basta circular pelo País e atentar nas inscrições nas paredes. Uma verdadeira agressão quotidiana que é intolerável que não seja punida na lei. Sê-lo-á.
Mário Soares, RTP, 31 de Maio de 1984

11 comentários:

Carlos Sério disse...

Caro Pinho Cardão

Verifico que Mário Soares está a incomodar muita gente.
E a procissão ainda agora vai no adro.

Diogo disse...

Na mesma forma brejeira veja-se este curto vídeo - de rir e chorar por mais:

As Promessas de Passos Coelho

Diogo disse...

Vídeo do discurso de Pacheco Pereira na Aula Magna – O mais aplaudido da noite. Revejo-me totalmente nele:

Um discurso de um verdadeiro social-democrata e não dos assassinos que que estão no Governo e na Assembleia

Pinho Cardão disse...

Caro Carlos Sério:
Não sei dizer se incomodam muita ou pouca gente; o meu amigo saberá.
Por mim, fico de facto incomodado quando a perda de memória atinge um meu semelhante, qualquer que ele seja.

Caro Diogo:

Referir o que disse Mário Soares não é apoiar a política do governo. Por mim, essa política tem aspectos que me suscitam muita crítica, quer pelas consequências, quer pela sua própria natureza.
Mas Mário Soares será uma das últimas pessoas com moral para criticar a política governamental, como o tem feito.

Luis Moreira disse...

A oposição é um zero absoluto que foi ocupado por um octogenário . Quem leva a sério tal oposição ? É dificil perceber isto? Em termos nacionais é, sim, muito preocupante.

Carlos Sério disse...

PARA RECORDAÇÂO FUTURA I

"fomos o braço armado para, dentro do PSD, e através do digital, desgastar Manuela Ferreira Leite e os adversários do Passos. Até fizemos de bombeiros do Aguiar Branco. Queríamos que ele fosse até ao fim..." F
(Fernando Moreira de Sá, à Visão)

opjj disse...

Mário Soares terá sempre muitos amigos. Quando foi 1º ministro meteu no Estado 100.000.Veja-se que até estavam na sua conferência.Regaladamente vivendo sem sobressaltos à custa dos privados.Boas vidas!

Pinho Cardão disse...

Caro Carlos Sério:
Fernando Moreira de Sá foi um grande ciclista do FCPorto e creio que ganhou a Volta a Portugal há mais de 50 anos. Este que citou parece que é neto, mas revela pouca pedalada. Pelo que refere, estará mais vocacionado para circuitos mais curtos, melhor, para curto-circuitos.

Caro OPJJ:

Ele próprio vai arrebanhando mais umas verbas dos nossos impostos, através da sua Fundação.

Diogo disse...

Pinho Cardão: «Referir o que disse Mário Soares não é apoiar a política do governo.»

Absolutamente de acordo.

Pinho Cardão disse...

Caro Diogo:
Percebeu muito bem o que eu disse. Mas esclareço: discordar por completo do que diz Mario Soares não e apoiar a política do governo

Diogo disse...

Mas discordar por completo do que diz Mário Soares? Porquê?

Se o Estado está sequestrado por uma Máfia Financeira, cujos tentáculos dominam o Governo, a Assembleia da República, os grandes escritórios que redigem as leis que, através de alçapões e escapatórias, ilibam os grandes criminosos, a Procuradoria-Geral da república (que, não só não investiga, com trava as investigações aos graúdos), a propaganda dos jornais e das televisões, etc... não deverá a população revoltar-se violentamente?

Eu não acho que este governo e os anteriores sejam uma cambada de incompetentes. Eu considero-os uns criminosos a soldo dos assassinos que controlam a Grande Finança. Donde, haverá missão mais patriota, mais benigna, do que limpar-lhes o sebo a todos?