Número total de visualizações de página

sábado, 3 de março de 2012

Dia mundial da mulher

Sedução (Inês Massano)


Há semanas, uma amiga telefonou-me, queria conversar comigo e pedir uma opinião. Claro, respondi, sábado de manhã no meu local favorito. Nem foi preciso indicar onde, os meus hábitos cristalizam-se com a maior naturalidade acabando por ser identificados pelos amigos e conhecidos. Entre algumas lamúrias, naturais, e mesmo pertinentes, motivadas por diversos fatores, acabou por pedir a minha ajuda para o Dia Mundial da Mulher. Queria que a ajudasse a concretizar um programa. Sinceramente não estava à espera de um pedido desta natureza. Surpreendido, comecei a pensar como é que a poderia ajudar. A minha amiga queria uma reunião, um simpósio, uma conferência, enfim, o habitual na comemoração deste dia. Entretanto, já tinha planeado uma exposição de quadros e de desenhos sobre mulheres. A autora é a minha filha do meio, que, numa das suas arrancadas artísticas, tinha começado a desenhar mulheres, sem lhe passar pela cabeça o dia mundial da mulher ou coisa que o valha. Pancadas! A minha amiga teve conhecimento de alguns dos quadros, acabando por a convidar a fazer uma exposição na Casa da Cultura de Santa Comba Dão. Não preciso dizer a satisfação que tive ao tomar conhecimento do convite.

Agora tinha de dar mais um contributo, desta feita em direto. Por que é que não convidas personalidades de áreas e doutrinas de pensamento diferentes para falarem sobre mulheres, mas tem de ser só homens. Homens a falar de mulheres no dia mundial da mulher. Penso que seria muito interessante. Depois tecemos as razões e pessoas para esta abordagem. Ficou convencida. Ao sair disse-me que queria que fosse eu a moderar o debate. Eu? A moderar um debate sobre mulheres? Tentei fugir, mas não me deixou, filou-me de tal forma que não tive qualquer hipótese. Agora que o momento se aproxima, começo a ficar um pouco apreensivo, porque o tema "mulher" não é nada fácil, mesmo nada, e ainda por cima com muito público feminino a focar os seus olhares e ouvidos sobre o pessoal. Nem sei como hei de começar. Às tantas vou socorrer-me de uma resposta que Stephen Hawkins deu no decurso de uma entrevista a propósito do seu septuagésimo aniversário. O entrevistador perguntou-lhe como é que passava as tardes. Hawkins respondeu através do seu computador: a pensar na mulher. Na mulher? Sim. Porquê? Porque é o maior mistério do universo.

Entretanto, tive de ajudar a carregar outras peças de arte da minha filha para a exposição. Quando cheguei, e vi no chão dezenas de quadros, a maioria dos quais já conhecia, como é óbvio, senti uma explosão de sentimentos: inquietação, provocação, esperança, medo, liberdade, sedução, dor, sofrimento, vida, alma, tristeza, alguma alegria e mistério. Muitos mistérios. De facto, a mulher é sem sombra de dúvida o maior mistério do universo...

12 comentários:

Catarina disse...

Que seja muito bem sucedido, caro Prof. Uma incumbência nada fácil! : )

Como eu gostaria de estar presente!

A Inês é uma artista de inegável talento.

Inês Massano disse...

Muito obrigada, cara Catarina!
E porque não vai? Está desde já convidada! Seria uma honra...

Um beijinho,
Inês Massano

Margarida Corrêa de Aguiar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Margarida Corrêa de Aguiar disse...

Caro Professor Massano Cardoso
Vai ser interessante para as mulheres descobrirem como é que os homens desvendam o "seu" grande mistério. Uma resposta possível, o talento da sedução! Parabéns pelo desafio e felicidades à Inês para a exposição de "mulheres". Muito giro, Pai e Filha juntos na comemoração do Dia Mundial da Mulher.

Bartolomeu disse...

O Universo, é por si só um mistério, a mulher, completa esse mistério.
Sabemos desde os templos Mesopotâmicos que o Universo se compõe de energia e que essa energia é gerada pela energia que a própria energia gera... um mistério, sem dúvida. Mas, como entendê-lo, como enquadra-lo no nível humano, no nível, homem/mulher.
Só vejo um modo; se considerarmos que o homem e a mulher, juntos, constituem o Universo.
;)
As melhores alegrias para a artista e para o pai!

Tavares Moreira disse...

Car Professor e Amigo,

Uma coisa tenho de lhe dizer: Inês Massano é um nome a reter!
Talento não lhe falta, já percebi, esperamos que esse talento se desenvolva, fecundamente, em obra bela...
A amostra supra deixa-me extremamente impressionado, pela força da expressão da mulher!

Catarina disse...

Obrigada pelo convite, Inês. Muito simpático da sua parte. Por razões geográficas não poderei comparecer nesta altura. Se fosse no verão!...
Bjos e muito sucesso.

Anthrax disse...

Muitos parabéns e que a iniciativa seja um sucesso :)

Massano Cardoso disse...

Muito obrigado

jotaC disse...

Caro Professor Massano Cardoso:
Não fora a obra da filha Inês e a tarefa seria muito mais difícil, afinal os quadros revelam muito do "misterioso" ...
Parabéns pela excelente escolha da pintura figurativa que encima o post da autoria da sua filha Inês Massano, a revelar uma expressão da realidade tal como a vemos, o que é bem demonstrativo do grande talento da autora...

Suzana Toscano disse...

A Inês é uma artista e, tal como diz o caro jotac, o post não podia ter melhor ilustração, falta dizer quanto tempo estará essa exposição na Casa da Cultura, vale bem uma visita de certezinha, mesmo que não seja possível ir assistir às comemorações do dia da Mulher a cargo do amigo massano carsoso, é o que se chama um programa em cheio! Está de parabéns a organização, estou muito curiosa de saber da intervenção do orador, será possível que o 4r tenha o texto???? Um abraço

Pinho Cardão disse...

Caro Professor:
Embora tardiamente, e por seu intermédio, um grande abraço à sua filha, um verdadeiro talento. Aliás, com o marido, que fez as capas dos livros já editados pelo 4R, dois enormes talentos.
E também os votos de grandes êxitos e de um justo reconhecimento público.