Número total de visualizações de página

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Em complemento do post anterior do Ferreira de Almeida À atenção do PS, sobre as PPPs, aqui se deixa imagem elucidativa

6 comentários:

Tonibler disse...

Faltam nesse gráfico as 700 mil PPP que foram feitas com individuais e que o governo Cavaco Silva e Guterres fizeram que tivessem rendimentos crescentes e eternos. Não nos vamos esquecer desses, caro Pinho Cardão.

Bmonteiro disse...

Abençoados os eternos avençados das 700 mil PPP,
porque deles será o reino dos off shore.

MM disse...

Algo injustos estes 2 comentários, mas voltaríamos ao post, de outro dia, da Dra. Susana Toscano...

Suzana Toscano disse...

Nós somos assim, cara MM, ou vai tudo abaixo ou falta-nos tudo. As PPP's mais ruinosas e desnecessária decorrem do habitual "falta-nos tudo", nunca nos chega o que temos, estamos sempre de olho no que ainda se pode acrescentar. A incapacidade de aprender com os erros resulta do "vai tudo abaixo", para evitar que se avaliem as responsabilidades e, também, porque muita gente que hoje critica fez parte dos que, ao tempo, entendiam que faltava tudo.Assim, o melhor, é arrasar o bom e o mau.

MM disse...

Eh bem verdade o que descreve, Dra. Susana. Dai nao augurar nada de bom para o pais...

Tonibler disse...

Cara MM,

Apesar de achar injusto, deixe-me dar a minha visão enquanto contribuinte líquido da coisa.

Tudo o que o estado faz, faz com recurso a privados. Sejam estes colectivos ou individuais. Para mim, tão PPP é um contrato de construção de auto-estrada como é um contrato de trabalho e tão útil é uma autoestrada onde ninguém anda como um professor que não sabe ensinar.

Portanto, é irrelevante mostrarem-me números de PPP's colectivas sem me dizerem o que são.