Número total de visualizações de página

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Só em Portugal!

A EDP enviou-me uma simpática carta com os pagamentos que terei de efetuar nos próximos dozes meses, por causa do aumento do IVA. Resultado, vou ter de pagar uma razoável fatia, que, ao fim de um ano, não vai ser nada pequena. Ainda tentei ver se havia uma carta dos produtores e fazedores de bebidas alcoólicas a felicitarem-me por poder continuar a desfrutar o IVA a 13%, mas não. E se trocassem as taxas de IVA? Ah, pois é, davam cabo da economia nacional. Um bocado, talvez, mas poupavam nos fígados, nas monas, nos acidentes, na violência doméstica, mas a rapaziada do vinho tem muita força. Lembram-se do tempo do Guterres? Quis baixar o limite da alcoolemia, mas o decreto-lei acabou por ser revogado. Só em Portugal!

3 comentários:

Bmonteiro disse...

Ingovernáveis, ou não?
Trabalham/os tanto, habitualmente tão atarefados,
que não há tempo para pensar.
Particularmente em cartas esferas superiores.
E eu a pagar as ventoinhas da serra do Açor.

Tavares Moreira disse...

Caríssimo Professor, não imaginava um POST anti-vínico de um ilustre cidadão da região do Dão!
O velho Professor/Engº Vilhena, grande mestre da vinicultura e responsável pelas melhores colheitas do Dão - o famoso Dão Federação de 1970 será talvez o expoente mais alto desse trabalho -deve estar muito afeliado (expressão algarvia)!

JotaC disse...

Caro Professor Massano Cardoso:
Também recebi e, preto no branco, lá estava espelhado o meu contributo para os BPN.s e afins ...