Número total de visualizações de página

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Fomentar o desemprego

Ontem houve uma greve do Metro. Hoje, houve greve nos aviões, já nem sei se do pessoal da ANA, se da TAP. Parece mesmo que das duas, pelo menos na Madeira.
Dizem que é pelo direito ao emprego.
Eu diria que era para fomentar o desemprego dos outros.

2 comentários:

Ilustre Mandatário do Réu disse...

essa corja não tem emenda!

Zuricher disse...

Se há profissões que têm tido imensas dificuldades em adaptar-se e perceber a mudança dos tempos e as novas realidades são as ligadas ao transporte aéreo, principalmente os pilotos. Ainda vivem nos tempos das companhias aéreas estatais, protegidas, os tempos em que os estados cobriam sempre tudo e mais alguma coisa e em que os pilotos tinham todas as benesses deste mundo e do outro.

Ler o que aconteceu com a Alitalia e em particular com os pilotos da Alitalia, os benefícios que tinham, as suas reacções aos problemas, evolução de posições (ou falta dela) e como ficaram por fim no âmbito da reestruturação da companhia devia dar muito que reflectir. Com uma agravante no caso da TAP. Em Itália foi possivel encontrar investidores italianos interessados nos activos da defunta Alitalia para fazer renascer a nova Alitalia. Em Portugal não vejo que tal seja possivel.