Número total de visualizações de página

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Um "F16" no meio da cidade...

 Melro F16 a levantar voo...


Melro F16 em pleno voo...

8 comentários:

Jorge Lucio disse...

Caro Prof.

Se me dissesse que estes instantâneos magníficos foram obtidos na zona da Guarda, estaria desvendado o mistério do avião de que os "outros" F-16 (da Força Aérea) perderam o rasto.

Admitindo que não, parabéns pelas fotorafias!

Massano Cardoso disse...

Não foi na Guarda, não. Com estes melros os outros "melros" não teriam fugido...

Suzana Toscano disse...

Até faz inveja, poder levantar voo assim com esta facilidade!

Tonibler disse...

Esses bichos andam com um sucesso estranho. Nunca vi tantos como vejo agora lá para os meus lados e tenho a sensação que os pardais são muito menos agora. Alguém tem uma explicação ou é só impressão minha?

Massano Cardoso disse...

Os melros são espertos e oportunistas e não devem ter predadores. Talvez tenham aprendido com os políticos..
Conhece decerto a expressão "É um grande melro...


O MELRO

O melro, eu conheci-o:
Era negro, vibrante, luzidio,
Madrugador, jovial;
Logo de manhã cedo
Começava a soltar, dentre o arvoredo,
Verdadeiras risadas de cristal.
E assim que o padre-cura abria a porta
Que dá para o passal,
Repicando umas finas ironias,
O melro; dentre a horta,
Dizia-lhe: "Bons dias!"
E o velho padre-cura
não gostava daquelas cortesias.


O cura era um velhote conservado,
Malicioso, alegre, prazenteiro;
Não tinha pombas brancas no telhado,
Nem rosas no canteiro:
Andava às lebres pelo monte, a pé,
Livre de reumatismos,
Graças a Deus, e graças a Noé.
O melro desprezava os exorcismos
Que o padre lhe dizia:
Cantava, assobiava alegremente;
Até que ultimamente
O velho disse um dia:


"Nada, já não tem jeito!, este ladrão
Dá cabo dos trigais!
Qual seria a razão
Por que Deus fez os melros e os pardais?!"
..............

Guerra Junqueiro


Mas agora a sério. Se há muitos é porque encontra comida com abundância... Mas como dizia Guerra Junqueiri no seu poema,

...

"Tal e qual tal e qual!
Guisados com arroz são excelentes."

Tonibler disse...

Grande explicação!

Espero bem que os políticos sejam como o melros e agora que a comida não abunda....

Mas antes melros que corvos, como em Varsóvia, que vai uma pessoa a andar na rua e, de repente, pousa-lhe ao lado um bicho do tamanho de um cão...

Massano Cardoso disse...

Ora, ora! Os corvos são animais dos animais mais inteligentes que andam por aí.

Tonibler disse...

Talvez, mas que metem respeito, metem....