Número total de visualizações de página

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Governo subaquático

Em Portugal, pelo andar da carruagem, o novo governo não vai precisar de mergulhar para meter água, já que as previsões climáticas apontam para o "aquecimento nacional", se tomarmos como amostra o que se viu hoje na AR...

6 comentários:

jotaC disse...

Caro Professor Massano Cardoso:
Os mentores desta reunião subaquática estão de parabéns, pois estou certo que esta ideia brilhante contribui para que um maior número de pessoas passe a interessar-se por estas questões.
Por cá, o governo, para já, não corre o risco de submergir, tem a sorte de estar sediado a uma cota razoavelmente elevada, coisa que não aconteceria se estivesse em zonas mais baixas, ali junto aos pastéis de belém…

lenor disse...

Quando o que acontece tem a sua hipotética razão de ser, que é que a gente há-de dizer?
Neste caso: boa ideia!!!

Catarina disse...

Bem...na minha memória ainda havia resquícios daquela imagem do “batoteiro nu” em cima do ar condicionado que por pouco não “virou” estátua como dizem os brasileiros! Ah.. e também a estória da moça de mini-saia! Mas acabaram de desaparecer para serem substituidas pela reunião subaquática nas Maldivas! Ou eu sou muito conservadora.. ou há qualquer coisa que me falha... Isto é mesmo para ser levado a sério? Francamente! Quanto teria custado este aparato todo? E quem teria pago? ....

António Transtagano disse...

O que lhe sobra em imaginação, falta-lhe em isenção!

Bartolomeu disse...

Aquilo a que assistimos hoje na AR, caro Porfessor, deixa antever que o clima vá mesmo aquecer bastante, e que muita água vá jorrar pelas portas dentra do emiciclo. E como as botijas de mergulho não duram o tempo necessário para que a água se escoe, temo que os deputados não consigam suster a respiração durante o tempo necvessário.
Portanto, das duas uma, ou lhes nascem guelrras, ou vão mesmo afogar-se. E olhe que na minha opinião, caro professor, quando a "coisa" descambar para a asfixia, vai ser geral, não escapa ninguem, nem aquele senhor que se senta no lugar cimeiro, como é que ele se chama...? Vasco da Gama, será?
Bom, se for, pode ser que se safe...

António Transtagano disse...

E a frase do dia é:

"O Povo Português concedeu ao Parlamento uma maioria absoluta"!

(Aguiar Branco, hoje, no encerramento da discussão do Programa do Governo)