Número total de visualizações de página

domingo, 29 de julho de 2007

“Bestialidade líbia"

Hoje, as autoridades líbias criticam o perdão concedido pelo presidente búlgaro aos seis profissionais de saúde recentemente extraditados. Afirmam que vão pedir à Interpol para os capturar!
A Líbia é um país governado por corruptos e terroristas que não respeitam os direitos humanos. É confrangedor que os estadistas europeus dêem confiança ao esquizofrénico Kadaphi e seus lacaios que mereciam ser presos e condenados.
No El País, uma reportagem sobre o médico palestiniano ilustra bem a “bestialidade” jurídica que impera naquele país…

1 comentário:

Margarida Corrêa de Aguiar disse...

Caro Professor Massano Cardoso
É difícil imaginar o que a natureza humana é capaz de fazer. Acrescentaria que a Líbia é um país governado por assassinos! Foi um milagre não terem morrido às suas mãos. Não pode haver "perdão" para esta gente...
O médico palestiniano na sua comovente entrevista faz uma afirmação que é impressionante: "Los animales tienen más moral que ellos".