quinta-feira, 9 de Fevereiro de 2006

Os estatutos do PSD - V

... encontrei a Renovação.
Estava triste e desalentada.
Disse-me que já ninguém fala dela.
Que se sente ostracizada.
Pobre Renovação... como envelheceu!

1 comentário:

Antonio Almeida Felizes disse...

..
Caro Vitor Reis,

Compreendo a sua desilusão, mas sabe, hoje os partidos são definidos, no seu conceito essencial, como organizações que lutam pela aquisição, manutenção e exercício do poder.

Ora nos países a caminho da pos-industrialização, os partidos de governo tendem a ser, como dizem os franceses, "attrape-tout", quer dizer, fruto de um certo apaziguamento ideológico, os partidos são compelidos a uma pescaria indiscriminada de eleitores, usando para isso não a sua matriz ideológica de base, mas sim a outros artificios, como a personalidade irradiante dos seus candidatos.

A metodologia básica da actuação partidária é a concertação, o ajustamento negociado dos conflitos em clima tecnocrático e sem incompatibilidades intransponíveis.

Esta é a realidade e não há congresso que lhe valha.

Cumprimentos,

Antonio Felizes
http://regioes.blogspot.com
..

http://blasfemias.net/