Número total de visualizações de página

domingo, 20 de março de 2011

Tem dias!...

A culpa da crise tem dias.
Às segundas e terças, a culpa é dos especuladores.
Às quarta e quintas, a culpa é da Alemanha e da Senhora Merkel.
Às sextas, sábados e domingos, a culpa é da crise internacional.
E, todos os dias, a culpa é do PSD.
Sócrates, Teixeira dos Santos e todos os Silvas, Pereira, Santos e Vieira e nunca existiram.
Para eles a culpa não tem dias!...

4 comentários:

Bartolomeu disse...

Qual culpa, qual carapuça... (carapuça?!- seja então, carapuça)
O Homem só se preocupa com Portugal e com os portugueses!
Aliás, quando o oiço, é como se ouvisse Nina Simone cantar; My Baby just cares for me; he don't cares for shows, or cloths, or fancy cars... he just cares for me!!!
http://www.youtube.com/watch?v=BDRhRv4q_SI
Diga lá sô Doutore Pinho Cardão sálguma vez já tinha escutado jazz em tom de marselheza?!
;)))

Caboclo disse...

vocês viram isto ?

"Hans-Werner Sinn.
http://economico.sapo.pt/noticias/portugal-precisa-de-um-aumento-radical-de-impostos_113843.html

O país precisa definitivamente de um aumento radical de impostos para reduzir o défice público e chegar a um excedente."

Este alucinado deve ser trucidado ..

Ninguém passa uma peixeira nele ?

Que lógica a deste werner sinn ..então quer dizer ..se os socialistas não estimulam a produtividade ..já que são geneticamente anti-patrão ( agora está na moda chamar empreendedor )
então arrancam impostos do couro do povo para financiar os desvarios alucinados ?

aumentar impostos ? radicalmente ? que alucinação é esta ?
Agora deixam bandidos deste calibre andarem à solta ?

Deveriam isso sim diminuir os impostos radicalmente !!!!!!!!
bando de cegos ...

uma peixeira senhores ..rápidamente por favor..

Pinho Cardão disse...

Marselheza em New Orleans, caro Bartolomeu?
Ou os clubs de New Orleans na Torre Eiffel?
Le jour de gloire est arrivé!...

Tavares Moreira disse...

Caro Pinho Cardão,

Os ilustríssimos cavalheiros mencionados neste Post - a nata da classe política nacional e internacional certamente - poderiam, ao menos, admitir culpa própria no último dia de Fevereiro dos anos bissextos...