Número total de visualizações de página

terça-feira, 15 de março de 2011

Vê-se, ouve-se, e dificilmente se acredita...

A RTP, essa entidade que todos sustentamos com parte do nosso dinheiro para ter serviço público de televisão, achou que a manutenção da taxa de 6% de IVA sobre o golfe era notícia para ser destacada, opção editorial que não custa a compreender. Como se vê aqui, a interpretação do que os jornalistas leram nos jornais da manhã sobre isto resultou numa verdadeira anedota: o nosso serviço público televisivo entendeu que o governo estava a baixar o IVA do ... Volkswagen GOLF. Não acreditam? Eu também não acreditava. Até ver as imagens...

8 comentários:

Tonibler disse...

Bem, em defesa dos jornalistas, é tão estúpida uma coisa como outra.

Anónimo disse...

Caro Amigo, não consigo encontrar termos minimamente cordatos para qualificar essa notícia. De caminho também não os encontro para qualificar a redução do IVA para o golf (o dos greens)...

Pinho Cardão disse...

Ora aí está um caso em que a bota dá com a perdigota!...
Da loucura do governo, já tudo se espera; a RTP limita-se a seguir-lhe os passos.

Margarida Corrêa de Aguiar disse...

Que horror! A estupidez e a incompetência não têm limites. A RTP está bem entregue e os nossos impostos também!

Bmonteiro disse...

“O quinto império”
... nós somos púnicos, parecemo-nos comos mercenários de Amílcar e todos esses matreiros do mediterrâneo. Nós somos girinos... (49)
Dominique de Roux (1977, Paris)
Jornalista, depois de nos ter observado em 74/75.
E agora?

Paulo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Caboclo disse...

Agora se percebe a falta que faz a judite de sousa....
ahahahahahakakakaka
kakakakakakaka
ahahahahahahahahahahahaha

S. disse...

Pois eu acho que este é um sério assunto de concorrência desleal.

Não sei porque razão é que só o GOLF é que pode ter a taxa de IVA a 6%. Então e os SMARTs? São mais pequeninos. É só porque são da Mercedes é? Indecente.