Número total de visualizações de página

quarta-feira, 30 de março de 2011

"Un antipático contra todos"

Assim vê o jornal espanhol ABC o 1º Ministro português:

"El primer ministro portugués se parece a un conductor que avanza a toda velocidad por la autopista en dirección contraria, convencido que son todos los demás automovilistas los que se equivocan.

Los gobiernos europeos y las instituciones comunitarias dan por hecho que Portugal no puede salir de la crisis sin asistencia financiera, pero José Sócrates les contradice a todos diciendo que que el país puede superar sus problemas con sus propias fuerzas.

Después de ser derrotado en el Parlamento ha presentado su dimisión y ha lanzado a su partido, el socialista, de frente y a toda velocidad contra la oposición liberal-conservadora, esperando que en el último momento un volantazo de buena suerte le permita dar la vuelta a las encuestas y regresar victorioso..."

2 comentários:

Bmonteiro disse...

Dia a dia se comprova a asneira de não ter permitido a aprovação do PEC IV.
Para então e umas semanas depois, tratar da saúde aos seus autores materiais - do PEC IV e dos seus antecedentes.
Talvez pudéssemos assim ter evitado, cenas indecorosas como esta do ABC.
Por alguma falta de poder de encaixe de PC perante JS.
Um pouco de cinismo político, não lhe teria feito mal.

Anthrax disse...

Indecoroso porquê?

A mim cheira-me mais a Lei de Murphy. "Quando parece que o mundo está todo contra ti, é porque estás a conduzir na contramão". Está certo.

A preocupação dos restantes países europeus não é Portugal. A preocupação dos restantes países europeus é se Portugal arrasta Espanha consigo. Isso sim é uma verdadeira preocupação e por isso é que estão a tentar demarcar-se da nossa situação.

Se para isso tiverem de dizer aquilo que os nossos jornalistas não têm coragem para dizer, paciência.