Número total de visualizações de página

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Fim de ciclo!...

A Directora Regional de Educação do Norte que não sabe escrever português, que utiliza ad-hoc os sinais de pontuação, que tem da vírgula a ideia de ornamento para separar o sujeito do predicado e para quem as regras da concordância são uma nebulosa distante e desconhecida...
A professora de história que, hard-core, ensina sexo às alunas de 12 e 13 anos...
Os Deputados para quem o sexo não é suficiente, nem talvez necessário, para distinguir os homens das mulheres...
Os Deputados que pomposamente legislam sobre segurança no trabalho, mas se esquecem das sanções em caso de não cumprimento. E que, para remediar a lei, utilizaram habilidades e expedientes tão grosseiros que levaram à sua rejeição pelos Tribunais e estão a configurar uma verdadeira amnistia...
Os Deputados que fizeram tábua rasa da sua própria argumentação unânime que reduzia drasticamente o recebimento de dinheiro vivo e, de uma penada, instituíram a entrada de milhões nos cofres partidários. E que, depois de aprovada a lei em Plenário, a vieram a alterar em sede de Comissão Parlamentar, chamando às alterações aperfeiçoamentos. E a votar que as alterações eram aperfeiçoamentos...
O Instituto de Emprego para quem o abate de desempregados, quando saem as estatísticas, é mera rotina...
Crise económica? Muito resiste a economia!...

9 comentários:

joao disse...

Caro Pinho Cardão

Esqueçeu-se de mencionar a pérola: o governo quer autorizar os seguranças privados a usarem shotguns.
Para quem, em caso de ferirem alguêm, apenas estão sujeitos à lei penal e ao processo penal (que conhece o estado em que se encontra), existem poucas limitações para o uso de armas de figo.
Vamos ter de esperar que suceda um banho de sangue para voltarmos a mudar a lei?
Cumprimentos
João

Tonibler disse...

Aquilo que realmente falta na educação sexual é que me ensinem como é que consigo que essa gente pare de me sodomizar...

Manuel Brás disse...

A culpa morre solteira
na política nacional,
esta atitude fiteira
é profundamente irracional.

É muita fantochada
desta gente tão imaculada,
com a justiça murchada
a democracia fica debelada.

Vivendo fechada
em condomínios blindados,
esta democracia linchada
deixa os mexilhões malfadados!

Bartolomeu disse...

Quando não forem estes, passarão a ser outros, caro Tonibler.
É da condição humana... impor-se o macho dominante... pela sodomização...
Resta-nos a esperança que, daqui por 47 milhões de anos, alguem desenterre a carcaça petrificada do elo de ligação entre o homo erectus e o homo sapiens. Para facilitar a vidinha aos Darwing vindouros, vou atar uma etiqueta explicativaà cintura: «morreu intoxicado pelos vapores que se soltavam do lamaçal» sempre lhes poupo o trabalho de investigação...

jotaC disse...

Esta cena da professora de história que ensina sexo às alunas de 12 e 13 anos, faz-me lembrar aquele entretainer que a propósito de tudo e de nada dizia - nós só queremos sexo!
:)

Tonibler disse...

A parte do sexo da prof de história era a parte boa. Porque entre os "não sabes em que te metestes", os "amiguíssimos" e os 10 anos de escola - 4 de faculdade, 2 de estágio, 2 de pós-grad. e 1 de não sei quê, parece-me que nessas partes as alunas eram melhores.

jotaC disse...

:)

Pinho Cardão disse...

Caro João:
E o drama é que pagamos a segurança pública, que não existe, pelo que muitas empresas têm que pagar também a privada...

Suzana Toscano disse...

Caro Pinho Cardão, eu diria que este seu resumo é mais impressivo que muitos episódios impróprios para menores... :)