Número total de visualizações de página

quinta-feira, 14 de maio de 2009

O sexo dos anjos

Enquanto a cidade era tomada pelo inimigo, os sábios de Bizâncio discutiam acaloradamente o sexo dos anjos. Porque sobre o sexo das mulheres e dos homens já não tinham qualquer dúvida.
Pois os deputados portugueses, a avaliar pela grossa discussão sexual de hoje na Assembleia da República, ainda têm dúvidas sobre o sexo dos homens e das mulheres. "O sexo não é suficiente para definir se alguém é homem ou mulher", afirmava convictamente um Deputado, logo apoiado e contraditado por outros. O apimentado debate que se seguiu não permitiu fazer luz total sobre tão candente matéria. Passando à votação, forma democrática de saber se o sexo era suficiente ou não, os Deputados continuaram divididos quanto ao ponto.
De facto, muito séculos depois, estamos ainda longe de Bizâncio. A discussão dos sexo dos anjos é uma miragem. Ainda estamos na fase embrionária e primeva de discutir o sexo dos homens e das mulheres.

4 comentários:

Tonibler disse...

Caro Pinho Cardão,

Isto não tem nada a ver com o sexo dos anjos, só com a mente dos burros....

Luis Melo disse...

Superliga "incompetente-mor": Sócrates marca pontos

Cerca de 18 mil micro empresas encerraram desde Janeiro [...] De acordo com o presidente da ANPME, "há micro empresários a falir todos os dias" [...] De acordo com dados divulgados à Lusa pela AIP, as micro empresas empregam 28% dos trabalhadores, mais 3% do que as grandes empresas.

aqui, eu tinha falado das PME. Há já mais de 2 anos que o PSD tem alertado para a importância das Micro e PME. Marques Mendes até falou sobre a criação de um ministério para estas empresas. Manuela Ferreira Leite não para de alertar para a importância destas empresas na economia portuguesa. O PM não quer ouvir e continua a beneficiar apenas as grandes empresas.

Depois do início da grave crise, José Sócrates - o auto-intitulado salvador das empresas portuguesas - anunciou 'n' medidas para as Micro e PME. Os programas PME Invest 1,2 e 3; redução de impostos (quais? em que condições?); beneficios fiscais (quais? em que condições?). Medidas essas, tão boas... que o resultado é o que se vê.

Mais 3 pontos para José Sócrates na Superliga "Incompetente-mor"

Lacão disse...

Se estamos, ou não, ainda longe de Bizancio só no futuro saberemos...por outro lado se formos pela qualidade dos sábios em questão, provavelmente pouco interesse por isto o inimigo terá.

Freire de Andrade disse...

Afinal a questão que eu ponho no meu blog "Será que os anjos têm sexo?" é extemporânea. Não há ainda condições para investigar tão magna questão. Acabo de saber que antes disso torna-se necessário, para não dizer premente, estudar a questão mais terra-a-terra sobre o sexo de homens e mulheres.

A questão que terá de se pôr é, portanto, se o homem e a mulher têm sexo e tendo-o se isso basta para os definir como homem ou mulher. Isto faz-me lembrar o que rimos em família quando há muitos anos eu e a minha mulher, se é que assim nos podemos definir, com os nossos filhos fomos praticar desporto a um pequeno estádio, suponho que do INATEL, quando reparámos que havia três portas para balneários ou instalações sanitárias com as designações "HOMENS", "SENHORAS" e "ÁRBITROS". Aí está, será que o sexo basta para definir se alguém é homem, mulher, perdão, senhora ou árbitro? Talvez uma nova votação na Assembleia da República lance alguma luz sobre o assunto.