Número total de visualizações de página

sábado, 23 de maio de 2009

Receber sem trabalhar, trabalhar sem receber!...

Os profissionais do Estrela da Amadora passaram toda a época, repito, toda a época, sem receber um mês que fosse de salário. Apesar disso, conseguiram, no campo, e findo o campeonato, uma classificação que permite ao clube manter-se na Liga maior do futebol nacional.
Tal situação prende-se com as dívidas do clube, particularmente com as dívidas fiscais e à segurança social, o que levou à penhora de todas as receitas.
Para regularizar a situação, o Estrela da Amadora apresentou ao IAPMEI, há um ano,antes do início da época futebolística, um Procedimento Extrajudicial de Conciliação (PEC), instrumento legal a que podem recorrer entidades em situação semelhante. Para o efeito, deu como garantias diversos activos que cobrirão o valor das dívidas.Passado um ano, segundo notícias não desmentidas, o IAPMEI ainda não se dignou responder.
Independentemente do julgamento quanto à suficiência ou insuficiência desses activos e à viabilidade do clube, é de lamentar, e é condenável, que o IAPMEI demore todo esse tempo a decidir se o PEC é aplicável ou não à situação proposta.
Merecem todos os elogios os atletas do Estrela, que trabalharam, e bem, sem receber.
Merece completa reprovação a intoleravelmente desleixada atitude burocrática do IAPMEI, cujos responsáveis, pelos vistos, não trabalham, sendo bem pagos para o fazer. E que assim desprezam quem dignamente trabalhou.

3 comentários:

Nietzsche disse...

Na verdade nem que o pagamento desses senhores fosse um cêntimo (e apenas porque não existem moedas mais pequenas) já estavam a ser pagos em demasia. Se bem entendo, nem sequer se dignam responder a quem quer pagar (ou garantir que pagará). Uma vergonha de facto para alguém que se esforça por manter a dignidade e a honra dos seus compromissos. Para o resto um ultraje...

António disse...

Tenho para mim que o comportamento dos jogadores do Estrela, é de uma dignidade enorme, tratando-se até de pessoas que pela sua maneira de estar na vida, não estarão especialmente aptas ou dispostas a serem heróis.
A atitude do iapmei é a todos os títulos inqualificável, o que me leva também, a imaginar, que se terá passado mais alguma coisa, no cenário dos bastidores, pois a direcção do clube parece ter estado activa. Veremos as próximas cenas.

Tonibler disse...

Assim de repente, estou à procura de outro organismos estatal que não faça a mesma coisa que o IAPMEI fez nisto e não encontro nenhum...Mas, curiosamente, isso não impede os nossos políticos de encharcarem o país de leis que têm que ser implementadas por nódoas como estes do IAPMEI