Número total de visualizações de página

sexta-feira, 29 de maio de 2009

A subtileza de um passarinho...

video

(What is that?)

Chegou-me às mãos este vídeo. Simplesmente fantástico!
Primeiro porque prova como é importante sensibilizar as gerações mais novas para a necessidade da tolerância e importância do carinho nas relações com as gerações mais velhas. Assim como se fazem spots publicitários para suscitar o consumo de tudo e mais alguma coisa, como seria bom que um vídeo com esta “dimensão humana” nos entrasse regularmente pelas casas dentro.
Segundo porque é extremamente rico na descrição que faz sobre as fragilidades, mas também sobre as virtudes, do ser humano. O vídeo mostra, por exemplo, como é fácil o egoísmo e a intolerância e como é triste a solidão e a incompreensão. Mostra-nos também como a geração mais nova também é humana e generosa, quando descobre como a geração mais velha precisa do seu amor e carinho, e como os velhos sofrem na pele a indiferença dos mais novos que julgam, pela sua juventude, que a vida é eterna.
O homem é um ser complexo, capaz, contudo, de ser simples nas coisas aparentemente mais difíceis!

Nota: o filme leva um bocadinho de tempo a começar, mas vale a pena esperar.

10 comentários:

Bartolomeu disse...

Nada ha de mais sábio, que os registos para memória futura.
Aprendemos isso com o ex-presidente da República, General Ramalho Eanes quando passou a utilizar um gravador para registar as conversas com o 1º ministro da altura, Dr. Mário Soares nas audiências semanais.
Agora, num registo sério, cara amiga.
É sempre bom repensarmos a nossa atitude em relação aos mais idosos, tanto àqueles que nos dizem familiarmente respeito, quanto aos que partilham conosco o espaço social.
E repensar essa atitude, não tem a ver somente com a forma como partilhamos a nossa atenção, carinho e o nosso amor com eles, tem a ver tembem com aquilo que fazemos ou podemos fazer para que o tempo de vida que lhes resta, seja passado em harmonia e conforto. Tudo aquilo que eles afinal com mais ou menos sacrifício pessoal, objectivaram para nós.
;)

Lacão disse...

Excelente!

Manuel Brás disse...

O respeito pela tolerância
deve ser arado,
pois liberta uma fragrância
de odor açucarado.

A complexidade social
da humanidade alvoraçada,
carece de atenção especial
para não ser devassada!

A simplicidade do ser
nos momentos mais delicados,
faz o mexilhão transparecer
os seus valores mais dignificados.

Suzana Toscano disse...

Lindo, lindo, os gestos mais simples com o mundo inteiro dentro deles. Ás vezes é tão fácil magoar aqueles de quem gostamos só porque não nos dispomos aquele "bocadinho mais" que faz toda a diferença. Fazer companhia não é estar sentado ao lado, é comunicar, enm que seja com um olhar atento ou um braço por cima dos ombros. Este rapaz teve sorte, o pai fez-lhe sentir isso, mas em geral quem precisa fica diminuído e nem sequer tem coragem para pedir essa migalha. Excelente post, Margarida.

Bartolomeu disse...

Os meus respeitosos cumprimentos ao poeta Manuel Brás.

Manuel Brás disse...

Caro Bartolomeu,
Agradeço e retribuo os respeitosos cumprimentos recebidos.

Textículos disse...

Estamos sempre a aprender e os mais velhos tem muito a mostrar que tardamos a reconhecer e aceitar.

O que é aquilo?

jotaC disse...

Cara Dra. Margarida Aguiar:
Obrigado por este post, recheado de ternura e pedagogia. Os autores do vídeo merecem os nossos parabéns pois, as coisas simples são muitas vezes as mais belas.

Salvador Massano Cardoso disse...

Eu já vi aquele pássaro!

Suzana Toscano disse...

Calculo que sim, caro Massano Cardoso, e os seus filhos devem lembrar-se...De certeza que os seus netos lhe vão responder mil vezes, com abraços.